Serviços de streaming: nova aposta de varejistas

  • Dicas

Entenda por que os varejistas estão firmando parcerias com serviços de streaming e como você pode aproveitar oportunidades e economizar em suas compras.

Os serviços de streaming já estão totalmente integrados na rotina dos consumidores. Hoje, assinamos uma série de serviços que incluem principalmente produtos de entretenimento, como filmes, séries, músicas e podcasts. 

Somado a isso, o varejo online é outro setor que tem se destacado no mercado, com uma expansão significativa durante a pandemia. Fazer compras online, além de prático e simples, possibilita o uso de mecanismos como cupom de desconto Ponto, que oferece descontos no valor total da compra, e pesquisa de preços. 

Mas, afinal, qual a relação entre os serviços de streaming e o mercado do varejo? É o que você vai descobrir agora. Acompanhe!

Expansão de ofertas e atração de novos clientes

As varejistas brasileiras têm buscado alternativas para atrair o interesse dos consumidores. Com o crescimento no número de ofertas, é preciso encontrar soluções para atrair o interesse dos consumidores que se veem diante de uma infinidade de opções e ofertas.

De acordo com o relatório Recovery Insights: Small Business Reset, realizado pela Mastercard, o número de pequenas e médias empresas que migraram para o digital cresceu 208% desde o início da pandemia, isso só no Brasil. 

Esse crescimento demandou novos movimentos para chamar atenção dos consumidores, por isso, as empresas têm oferecido frete grátis, cupons de desconto e descontos progressivos. Agora, na briga pelos consumidores, as varejistas também estão apostando nos serviços de streaming. Mas como isso tem funcionado na prática?

Streaming e varejistas

Considerando o aumento da concorrência e a necessidade de inovar nas ofertas aos consumidores, os players — nacionais e internacionais — estão fechando acordo com serviços de streamings, a fim de oferecer este tipo de serviço aos seus consumidores. 

Se a Amazon, que oferece produtos dentro da própria empresa, criou o serviço de streaming com filmes, séries e músicas, outras empresas têm firmado parcerias com serviços já existentes, ampliando, assim, o leque de opções de produtos dentro de suas plataformas. 

Um exemplo é o Mercado Livre, que lançou parceria com os serviços de streaming Disney+, HBO Max, Paramount+ e Deezer Music. Os clientes podem ter acesso a descontos de até 100% durante um período de seis meses. 

O Ponto — antigo Ponto Frio — também está oferecendo serviços de streaming aos clientes. Clientes que compram dispositivos eletrônicos como celular, televisão, PC e videogame ganham acesso ao Ponto+, um serviço com assinatura grátis, até o final do ano, do streaming Paramount+. As Casas Bahia também estão oferecendo um serviço similar aos clientes que adquirirem determinados produtos da loja. 

A diferença entre as promoções do Ponto e das Casas Bahia é a elegibilidade. O Ponto garante aos clientes o Paramount+ até o final do ano de 2021 na compra de produtos de categorias específicas em qualquer canal. Já nas Casas Bahia, o acesso é grátis por três meses na compra de qualquer produto utilizando o aplicativo da loja. 

Fidelidade e engajamento dos consumidores

O que se percebe é um movimento cada vez mais rápido no sentido de oferecer aos consumidores soluções alinhadas às suas necessidades e expectativas. Os serviços de streaming começaram a se destacar nos últimos anos por meio de plataformas como Netflix, Spotify, Deezer, Pandora e YouTube.

Nos últimos anos, essa transformação foi gigantesca e os serviços ficaram cada vez mais completos e personalizados. Se, até pouco tempo atrás, você só conseguia contratar serviços de filmes, séries e músicas, agora, já tem acesso a programas de TV, eventos esportivos, jogos, bibliotecas, canais de televisão e até aulas, por meio do streaming.

Quem mais se beneficia com esses movimentos são os consumidores, que podem acessar diferentes conteúdos a qualquer hora do dia e em qualquer lugar. Os serviços de streaming estão cada vez mais personalizados, direcionando seus produtos de acordo com os interesses dos consumidores.

Os varejistas que aproveitam a praticidade e a personalização do streaming para firmar parcerias a fim de oferecer novas opções aos seus consumidores, também saem ganhando. Isso porque oportunizam a criação de um ambiente de atração, fidelização e retenção de consumidores. 

A dica é que, antes de adquirir um produto ou serviço, o consumidor faça uma pesquisa, avalie preços e benefícios. Para quem quer conhecer e experimentar um novo serviço de streaming sem gastar mais por isso, essas oportunidades trazidas pelos varejistas são um ótimo caminho.